Eles por Elas - ONU Mulheres

A Defensoria Pública da União (DPU) participa desde março de 2021 do Movimento Eles por Elas, criado pela ONU Mulheres, Entidade das Nações Unidas para a Igualdade de Gênero e o Empoderamento das Mulheres.

O movimento é um esforço global para envolver homens e meninos na remoção das barreiras sociais e culturais que impedem as mulheres de atingir seu potencial, e ajudar homens e mulheres a modelarem juntos uma nova sociedade. De acordo com o site oficial do movimento, o HeForShe é um convite para que homens e pessoas de todos os gêneros demonstrem solidariedade às mulheres com o objetivo de formar uma frente ambiciosa, visível e unida em direção à igualdade de gênero.

O anúncio da adesão foi feito durante o debate sobre os caminhos para a igualdade de gênero, promovido pela DPU em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU). Simbolicamente, em nome da Defensoria Pública da União, o defensor público-geral federal, Daniel Macedo, assinou o compromisso de adesão ao Movimento Eles por Elas na plataforma do movimento.

A adesão está dentro do escopo temático do Grupo de Trabalho Mulheres da DPU, que atua no reconhecimento e defesa dos direitos econômicos, sociais, culturais e ambientais, bem como monitora ações de discriminação e violação de direitos das mulheres.

Segundo o IBGE, na segunda edição do estudo “Estatísticas de gênero: indicadores sociais das mulheres no Brasil”, publicada em 2021, 54,5% das mulheres com 15 anos ou mais integravam a força de trabalho no país em 2019. Entre os homens, esse percentual foi 73,7%.

A pesquisa também levantou a sub-representação da mulher na política. Apesar de um aumento no número de deputadas federais entre 2017 e 2020, o Brasil tem apenas 14,8% de mulheres em exercício na Câmara dos Deputados, sendo a menor proporção entre os países da América do Sul e a centésima quadragésima segunda posição em um ranking de 190 países.