Notícias

Enem 2022: DPU pede reaplicação de provas para moradores do Jacarezinho (RJ)

Rio de Janeiro – A Defensoria Pública da União (DPU) solicitou ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) a reaplicação do Enem realizado no último domingo (20) para todos os candidatos moradores do Jacarezinho, na cidade do Rio de Janeiro.

O pedido foi motivado por conta de operação policial desencadeada no fim de semana na região. A ação dificultou a circulação normal dos moradores e o acesso aos locais de provas.

De acordo com informações recebidas pela Defensoria Regional de Direitos Humanos da DPU no Rio de Janeiro, diversos candidatos inscritos, que deveriam fazer o exame no Jacarezinho e região, não compareceram aos locais de prova devido a tiroteios e ações policiais. O clima era de pânico, havendo inclusive pessoas baleadas.

Os relatos indicam ainda prejuízos de candidatos que sequer conseguiram sair de suas residências e de outros que ficaram abalados nas salas de prova, ouvindo os disparos dos confrontos.

Em ofício enviado ao Inep, o defensor público federal Thales Arcoverde Treiger lembra que o órgão reaplicou provas do Enem 2021 para moradores de São Gonçalo, também no estado Rio de Janeiro, em razão de operação policial realizada no Complexo do Salgueiro no primeiro dia do exame.

Com a mesma situação ocorrida no Jacarezinho este ano, a DPU quer a reaplicação da prova do Enem para os moradores e candidatos direcionados para a região num raio de cinco quilômetros a partir do local da operação.

A Defensoria requisitou dados de percentual de candidatos que faltaram às provas, tanto residentes no bairro, quanto aqueles que realizariam a prova na região. O prazo para resposta do Inep é de três dias.

Assessoria de Comunicação Social
Defensoria Pública da União